Visão geral das notícias

Conceitos básicos da EGR:

O sistema de recirculação de gases de escape (EGR) às vezes não temos a noção qual é a sua função e propósito. Em muitos países do mundo, as emissões de óxido de nitrogênio (NOx) dos veículos diesel e gasolina estão restringidas por legislação. O conjunto de refrigerador mais válvula (EGR) é uma solução técnica eficaz para controlar os valores de NOx. O princípio do EGR é trabalhar com uma proporção dos gases de escape e reciclar novamente no motor.


O EGR é utilizado como um dos componentes chave para reduzir as emissões de gases de escape e os contaminantes à atmosfera. Desde a introdução do regulamento Euro 6 reduziram-se em 55% os óxidos de nitrogênio do Euro 5. Entre os regulamentos Euro 5 e Euro 6 sobre motores diesel, a diminuição de óxido nitroso (Nox) é de 180mg para 80mg por quilômetro percorrido.


Quanto maior for a temperatura dos gases de escape (mais de 1800°C), maior será a quantidade de óxidos de nitrogênio! O EGR está desenhado para recircular os gases de escape no coletor de admissão; ao fazê-lo, isto pode reduzir a temperatura do gás em até 300°C.

O sistema de recirculação de gases se compõe de duas peças principais, a válvula EGR e o refrigerador (radiador) da EGR. Se parte dos gases de escape voltam-se a introduzir no coletor de admissão, a temperatura de combustão será menor. Com a menor temperatura de combustão, menor a quantidade de óxidos de nitrogênio. Por isso existem radiadores nos sistemas EGR.

O refrigerador está desenhado para refrigerar os gases de escape que voltam ao coletor de admissão. O refrigerador também conta com uma válvula bypass que o fecha e procede com a recirculação dos gases quentes de volta ao coletor de admissão, ajudando a aumentar mais rapidamente a temperatura do motor até ±60°C antes de se fechar.

A válvula EGR controla a quantidade de gases de escape que voltam a introduzir-se no coletor de admissão. Os sistemas EGR modernos são controlados por sistemas eletrônicos – a Unidade de Controle Eletrônico (UCE) é a responsável da abertura controlada da válvula, usando leituras de diversos sensores tais como a sonda de massa de ar, a sonda Lambda e os sensores de temperatura de gases de escape (EGTS).


Quando for necessário trocar a válvula EGR é recomendável trocar também o refrigerador. A razão principal é que, instalando uma válvula nova com um refrigerador contaminado, a vida útil da nova válvula EGR pode ver-se reduzida.


Falhas do sistema EGR:

Sinais de falha do sistema EGR:

• Luz de aviso de falha do motor acesa (o código de diagnóstico é normalmente P0400s baixo)
• Potência do motor reduzida
• Elevado consumo de combustível
• Sons metálicos tais como batidas
• Marcha lenta muito brusca


Instalação da EGR:

Depois de instalar uma nova válvula EGR e/ou refrigerador, há de levar-se em consideração uma série de condições:

INSPEÇÃO GERAL:

• Na maioria de sistemas, a posição da válvula EGR está controlada pela unidade de controle eletrônico.
• Com o motor em funcionamento, é possível ler os parâmetros da EGR com um dispositivo de diagnóstico para assegurar-se o seu correto funcionamento.
• Os valores comparativos do controle EGR e uma massa de ar determinada nos providenciam informação sobre o seu correto funcionamento. Se a válvula EGR está funcionando, a medida da massa de ar deverá ser menor.

INSPEÇÃO VISUAL:

• Inspeção das linhas de vazio e/ou cabeamento elétrico com seus respetivos conectores.

DIAGNOSTICOS DO ATUADOR:

• Tocando e/ou escutando pode-se determinar se a válvula ou o servomotor elétrico estão funcionando.

Nota: Os códigos relacionados com o controle da EGR devem ser apagados.

Depois de substituir a válvula EGR, a unidade de controle eletrônico deverá ser programada para o novo componente (ajuste básico/calibração).

Nota: Seguir sempre as indicações do fabricante!

Possíveis problemas depois da substituição:

Podem surgir diversos problemas depois da instalação:

• A peça nova não funciona
• A unidade de controle não deteta a peça nova

Possíveis códigos de erro relacionados com a montagem de uma EGR nova:

• P0400 – Mal funcionamento do fluxo de recirculação dos gases de escape
• P0401 – Fluxo insuficiente de gases de escape reciclados detetado
• P0402 – Fluxo excessivo de gases de escape detetado
• P0403 – Mal funcionamento do sistema de recirculação dos gases de escape
• P0404 – Alcance/Rendimento do circuito de recirculação dos gases de escape
• P0405 – Circuito Baixo do Sensor de recirculação dos gases de escape “ A “
• P0406 – Circuito Alto do Sensor de recirculação dos gases de escape “ A “
• P0407 – Circuito Baixo do Sensor de recirculação dos gases de escape “ B “
• P0408 – Circuito Alto do Sensor de recirculação dos gases de escape “ B “
• P0409 – Circuito do Sensor de recirculação dos gases de escape “ A “

Alguns códigos mostram se a EGR não foi codificada/adaptada corretamente.

Às vezes com a substituição da válvula não se obtém os resultados esperados, por causa da contaminação do sistema com carvão. O nível de contaminação pode ser determinado, entre outros, na base da válvula EGR substituída (ver exemplos – deve ser um indicativo para um mecânico).



Exemplo de válvula EGR (NRF 48323)


Válvula original desmontada do veículo



Permeabilidade do sistema limitada por uma contaminação por carvão excessiva

Depois de limpar o sistema, substituir a válvula por uma nova. Depois da montagem, não deve de haver códigos de erro.

A gama NRF:

A NRF oferece mais de 35 módulos EGR (incluindo válvulas e refrigeradores), ao redor de 80 válvulas EGR e ao redor de 70 refrigeradores de EGR para turismos e camiões, para suas altas espectativas e requerimentos.

Neste vídeo lhe mostramos como substituir corretamente um refrigerador de EGR

Print article Share article